frequencia-compra-supermercado.jpg

Consumidores portugueses aumentaram frequência de compra em 2017

Em Destaque

Os consumidores portugueses afirmam ter aumentado a frequência de compra em relação a 2016, de acordo com o mais recente estudo da consultora Levelsource, que avança ainda que 78% dos portugueses prefere realizar as suas compras aos fins-de-semana e 80% aponta para o período final de cada mês.

Notícias

  • small size image

    Tendências para o mundo do retalho em 2018

    16-01-2018

    O ano de 2018 trará alguns desafios para o mundo do retalho. Segundo a consultora Capgemini, a confiança do consumidor, a entrada de novos players no mercado, a personalização da marca e a diferenciação como forma de destaque em relação à concorrência serão os principais fatores a ter em conta.

  • small size image

    Bens de grande consumo continuam a crescer em Portugal

    08-01-2018

    O mercado de Bens de Grande Consumo (BCG) continua a crescer em Portugal, de acordo com os dados revelados pela consultora Nielsen, que aponta para uma subida de 5% entre 6 de novembro e 3 de dezembro, face a período homólogo.

  • small size image

    Vendas online em Portugal de FMCG atingem os 0,9%

    27-11-2017

    As vendas online em Portugal cresceram 3,4% em termos absolutos, entre março de 2016 e março deste ano. Segundo o relatório “The Future of E-commerce in FMCG”, da Kantar Worldpanel, a quota de mercado em valor registada em 2016 manteve-se a mesma, situando-se nos 0,9% do total Fast Moving Consumer Goods (FMCG).

Agenda

Não existem eventos marcados

Legislação

  • Decreto-Lei nº 152-D/2017, 11 de dezembro

    Decreto-Lei que vem unificar o regime da gestão de fluxos específicos de resíduos sujeitos ao princípio da responsabilidade alargada do produtor, transpondo as Diretivas 2015/720/UE, 2016/774/UE e 2017/2096/EU.

  • Resolução do Conselho de Ministros nº 190-A/2017, 11 de dezembro

    Documento que aprova o Plano de Ação para a Economia Circular em Portugal que apresenta três níveis de ações a serem introduzidas e trabalhadas durante os próximos três anos: ações de cariz transversal, nacionais, que consolidam algumas das ações de várias áreas governativas para esta transição; agendas setoriais, sobretudo para setores mais intensivos no uso de recursos e de cariz exportador; e agendas regionais, que devem ser adaptadas às especificidades socioeconómicas de cada região.

  • Decreto-Lei nº 74/2017 de 21 de junho

    Decreto-Lei nº 74/2017 que visa reforçar os procedimentos de defesa dos direitos dos consumidores e utentes no âmbito do fornecimento de bens e serviços, bem como instituir a obrigatoriedade de existência e disponibilização do livro de reclamações, nos formatos físico e eletrónico.