O futuro do retalho

iStock-517153726.jpg

O retalho está em constante evolução e são inúmeras as previsões de tendências para o futuro. O relatório da Ampersand agora divulgado revela as seis principais:

1. Uber para tudo: Todos os benefícios que a Uber oferece, como geolocalização, métodos de pagamento e informações de entrega atualizadas, devem ser incorporados na estratégia mobile de qualquer empresa que queira permanecer na vanguarda do retalho multicanal. Como os consumidores exigem gratificação instantânea, mesmo quando compram online, este novo serviço de entrega é uma ótima oportunidade para o setor retalhista.

2. Influência das redes sociais: Um utilizador do Instagram com mais de 5000 seguidores pode ganhar mais de 175 euros só por publicar uma imagem. Os retalhistas devem, por isso, manter-se ativos nas redes sociais para conseguir perceber quais as colaborações vantajosas de forma a captar a atenção do público-alvo.

3. Janelas de chat: O Facebook já conseguiu levar a publicidade ao próximo nível, oferecendo conversas de chat personalizadas para se comunicar com compradores quando o utilizador clica num anúncio na rede social. Em outubro de 2016, o Facebook permitiu que essas janelas de chat aceitassem pagamentos diretamente na aplicação. Porém, houve alguns problemas relacionados com a segurança que fizeram com que o Facebook tivesse de trabalhar ainda mais para provar que podiam voltar a confiar na rede social. O retalho terá, de igual forma, de mostrar aos clientes que as ofertas de comércio eletrónico são vantajosas para que este se interesse.

4. Realidade virtual: Há já vários anos que os retalhistas utilizam a realidade aumentada para melhorar a experiência do cliente. Porém, esta tecnologia tornou-se tema de conversa frequente desde 2016 graças ao jogo Pokémon Go. A realidade virtual e aumentada deverá ser vista pelos retalhistas como uma oportunidade, sendo utilizada de forma a melhorar a experiência de compra do consumidor.

5. O futuro das apps: As aplicações que reúnem vários retalhistas, como a ShopStyle ou a Groupon, estão a tornar-se mais populares entre os consumidores, sendo esta uma das formas dos retalhistas terem acesso ao mercado. Tanto retalhistas como consumidores querem apps que tornem mais fácil a experiência de compra e, acima de tudo, que lhes permita poupar tempo.

6. Formas alternativas de pagamento: Inovações como a Apple Pay ou sistemas de pagamento como a Uber tornam mais fácil a experiência de compra do consumidor, já que não precisam de ter consigo os cartões de crédito para realizar uma compra. Os retalhistas deverão, por isso, conseguir adaptar os seus sistemas e acompanhar as novas tecnologias.