Confiança dos consumidores retoma tendência de subida em maio

O6G3C50.jpg

A confiança dos consumidores portugueses voltou a subir em maio, retomando a tendência que se regista desde o início do ano. Os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística revelam ainda que o ambiente entre empresas registou, pelo terceiro mês consecutivo, resultado mais positivo.

O indicador de confiança dos consumidores registou uma subida de 0,5 pontos em maio (de -12,4 para -11,9) e em abril desceu de -11,3 para -12,4 pontos. De acordo com o INE, esta evolução “resultou do contributo positivo das perspetivas relativas à evolução da situação financeira do agregado familiar, da situação económica do país e da poupança”.
Em outubro de 2012 o indicador de confiança dos portugueses registou o seu valor mínimo histórico em Portugal, atingindo -54,7 pontos. A partir dessa data, verificou-se uma recuperação progressiva deste indicador prolongando-se até ao início de 2015, altura em que estabilizou.
No caso das empresas, é o indicador de clima económico que permite avaliar a evolução da economia portuguesa e da situação financeira de cada uma das empresas. Em maio, este indicador subiu pela terceira vez consecutiva (de 1,1 para 1,2 pontos).
É de salientar ainda que esta ligeira melhoria ocorre num período em que a economia portuguesa regista um abrandamento, com uma nova subida da taxa de desemprego.