​Confiança dos consumidores atinge máximo histórico

iStock-490580742.jpg

O indicador de confiança dos consumidores em Portugal aumentou em junho, subindo para 1,7 pontos, o que representa um crescimento face ao mês anterior em que se encontrava nos 0,1 pontos.

Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística a 29 de junho, e concluem que os números prolongam assim a trajetória positiva iniciada em 2013, renovando os valores máximos de novembro de 1997.

Relativamente ao setor do comércio, o indicador de confiança revela também um acréscimo, tendo atingido máximos de junho de 2001. O valor deve-se às apreciações positivas sobre o volume de vendas e às opiniões sobre o volume de stocks.

Para o crescimento global do indicador contribuíram as expectativas relativas à evolução da situação económica do país, do desemprego, e da situação financeira do agregado familiar.