​Compras de Natal: portugueses preveem gastar em média 314 euros

iStock-884396126.jpg

A época natalícia aproxima-se e as previsões de gastos começam a ser conhecidas. De acordo com o estudo anual realizado pela Deloitte, em 2018 os portugueses planeiam gastar uma média de 314 euros por agregado familiar, menos 7,1% dos gastos estimados em 2017 e quase metade do registado em 2008, ano em que o valor rondava os 610 euros.


Quando feita a comparação com os países europeus abrangidos pelo “Christmas Survey 2018”, a previsão de gastos dos portugueses fica em 63 euros abaixo da média.

Segundo declarações de Pedro Miguel Silva, do departamento de Indústria de Consumo da Deloitte, à Agência Lusa, Portugal é, inclusive, “dos países que mais diminui o seu valor estimado de gastos para este ano“, sendo que “Reino Unido e Espanha continuam a ser os países onde os gastos são mais elevados e, por oposição, Holanda, Rússia e Polónia os países em que as populações despendem menos nesta época festiva”.

O estudo da Deloitte demonstra ainda que, este ano, os portugueses continuam mais otimistas do que a média europeia (32% comparativamente a 23% de respostas positivas), apesar de estarem menos confiantes relativamente ao estado atual da economia.

Este estudo foi realizado em outubro e inquiriu 780 portugueses de um total de 9.169 consumidores europeus da Áustria, Bélgica, Alemanha, Itália, Polónia, Portugal, Rússia, Espanha, Holanda e Reino Unido, entre 18 e os 65 anos.

Mais informações disponíveis aqui.