Notícias

EuroCommerce defende investimento nas pessoas para o futuro do setor

23-04-2021

A União Europeia e os governos devem apoiar as empresas a preparar os seus colaboradores para os desafios trazidos pela aceleração da transição digital. O apelo é feito pelo Eurocommerce e é materializado no Pacto Europeu para o Comércio.

Durante uma mesa redonda, o EuroCommerce, em conjunto com executivos de oito empresas do setor do Retalho, apresentou o investimento que o setor está a fazer na formação e requalificação dos seus colaboradores para um mundo do trabalho em constante mudança. Através do Pacto Europeu para o Comércio, os retalhistas pedem à Comissão Europeia apoio para financiar o investimento nas capacidades do capital humano em torno de quatro áreas principais: formação vocacional; upskilling de capacidades digitais; requalificação de pessoal, dentro e fora do setor e incluindo desempregados; e ligação com o ensino superior para dar resposta a perfis ainda escassos na área da data science (Inteligência Artificial e blockchain).

Christian Verschueren, Diretor-Geral do EuroCommerce, sublinha a importância do capital humano no setor. “O Retalho é um negócio de pessoas que serve pessoas. Todos os que trabalham neste setor garantiram, durante o confinamento, que nenhum bem essencial faltava aos consumidores. Muitos retalhistas não-alimentares têm sofrido bastante com os bloqueios prolongados em muitos países e a pandemia acelerou enormemente a tendência de digitalização e das vendas online. A UE e as autoridades nacionais têm agora de ajudar as empresas, em especial as PME, a prepararem os seus colaboradores para dominarem estes novos sistemas digitais no seu local de trabalho”.

Saiba mais aqui.