Notícias

Limitação de horários deveria ser acompanhada por aumento do rácio de pessoas nas lojas

02-11-2020

A APED lamenta que o Governo não tenha contemplado o aumento do rácio de número de pessoas por metro quadrado em circulação nos espaços comerciais nas novas medidas de combate à pandemia de Covid-19, anunciadas no dia 31 de novembro, após reunião extraordinária do Conselho de Ministros.

Em declarações ao Dinheiro Vivo, o Diretor-Geral da APED, Gonçalo Lobo Xavier, afirmou: “à semelhança do que aconteceu na restauração se aumentou o número de pessoas por mesa – para seis – acharíamos que também seria de bom-senso, limitando os horários, aumentar o rácio de pessoas em circulação nos espaços comerciais. É uma velha luta nossa: é preciso evitar a todo o custo que haja filas de espera, o Natal vem aí continua a ser época de tradições, não podemos deixar que a Covid quebre as boas tradições de Natal, que houvesse fluidez às lojas e que o rácio tivesse aumentado. Não se quis mexer nisso, lamentamos”.

Leia o artigo do Dinheiro Vivo aqui.